sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Mossoró=Jovem preso há 14 dias por roubo é morto por enforcamento na Cadeia Pública


Gledson Souza Saraiva de 21 anos morador da localidade denominada de Vargem, na região do Alto São Manoel, foi assassinado dentro da cela 05 do Pavilhão 02 onde estava preso, na Cadeia Pública de Mossoró. 

O comunicado da morte do preso, foi feito aos agentes, através de telefonema, por detentos da Penitenciária Mário Negócio, que afirmavam ter um detento morto e que outros quatro seriam assassinados em seguida, pela facção rival (Sindicato do RN). 

A equipe de Agentes Penitenciários pediu apoio à Polícia Militar e retirou a tempo os outros que estavam ameaçados de morte. 

Gledson Souza, que estava na Cadeia Pública por roubo há 14 dias e que havia saído da triagem na quarta feira (20) foi encontrado morto com uma teresa (corda feita com lençóis), amarrada no pescoço. 

O delegado Adjunto da Delegacia de Homicídios, Dr. Antônio Augusto foi ao local com sua equipe para fazer os primeiros levantamentos sobre o caso. Ele adiantou que o caso vai ser investigado como homicídio. 

O Perito Criminal, Dr. Otávio Domingo, disse aos jornalistas, que a conclusão da perícia técnica é de que o detento foi assassinado por enforcamento e que antes de morrer ele também foi espancado. 

O corpo do detento foi removido pela equipe do Itep para necropsia e depois será liberado para sepultamento. Este foi o 2º homicídio durante os 21 dias de janeiro em Mossoró e o segundo desta quinta-feira na cidade.

Fim da Linha

Nenhum comentário:

Postar um comentário