sábado, 5 de março de 2016

Polícia Civil prende homem acusado de ter matado militar da Marinha


Policiais civis da Delegacia Regional de Polícia Civil de João Câmara prenderam José Paulino da Silva, 25 anos, na manhã desta quinta-feira (03). Ele é acusado de ter matado o militar da Marinha do Brasil, Renato da Silva Oliveira, 19 anos, no dia 22 de agosto de 2014. O corpo de Renato foi encontrado no dia 24 de agosto, em uma estrada carroçável, na localidade deCanto de Moça, cidade de Ielmo Marinho.
“Nossa investigação revelou que José Paulino, Renato da Silva e mais um comparsa praticavam furtos e roubos de equipamentos de som, que são utilizados em paredões. Apesar de serem companheiros na prática dos crimes, Renato teria furtado um voltímetro de José Paulino. Provavelmente, isto foi o que motivou o crime”, detalhou o delegado responsável pela investigação, Nivaldo Floripes.
De acordo com o delegado, revoltado com o furto do aparelho, José Paulino e um comparsa chamaram Renato para uma “parada”. No dia do crime, 22 de agosto, Renato saiu da base da Marinha e foi encontrar-se com a dupla. “Renato saiu no seu veículo, que era equipado com um paredão de som. A dupla levou a vítima até o localdo crime, executaram o rapaz e deixaram o corpo na estrada carroçável. Ele foi morto com um tiro na nuca”, revelou o delegado Nivaldo Floripes.
José Paulino da Silva foi detido em cumprimento a um mandado de prisão preventiva, quando estava em uma residência do bairro Felipe Camarão. “Ele também é apontado como sendo um dos suspeitos que roubou um empresário, no bairro do Alecrim no dia 09 de novembro de 2014”, acrescentou o delegado.

PORTAL BO

Nenhum comentário:

Postar um comentário