domingo, 8 de maio de 2016

Mossoró=Jovem encontrado morto próximo ao Cemitério Novo pode ter sido acerto de contas



A cidade de Mossoró, no interior do Rio Grande do Norte, fechou os primeiros 120 dias de 2016, com 91 assassinatos, numa estimativa aproximada de 3 pessoas mortas a cada 4 dias. 

No início da noite de hoje, 07 de maio, foi registrada mais uma morte violenta, provocada por disparos de arma de fogo na cidade. Foi o 2º assassinato no dia o 4º em apenas 7 dias do mês de maio e o 95º no ano. 

A vítima foi Alex Fernandes Cavalcante de 23 anos de idade que morava no Projeto de Assentamento Nova Esperança, na antiga Fazenda São João. Ele foi encontrado morto em cima de uma motocicleta, ao lado do Cemitério Novo, as margens da BR 304. Alex sofreu cerca de 6 disparos, todos pelas costas e morreu antes da chegada do socorro médico. 

A polícia recebeu informações, que a vítima fazia um serviço de coleta de comida para porcos “Lavagem”, mas ao lado do seu corpo foi encontrado um pequeno tablete de maconha. Não existe confirmação que o mesmo era traficante ou fazia uso de entorpecentes. 

Populares informaram no local, que Alex tinha frequentado uma Igreja Evangélica na comunidade onde morava, mas antes era amigo de um adolescente assassinado no assentamento e com envolvimento numa troca de tiros com elementos da Favela da João Damásio, próximo de onde ele foi morto. 

Após a perícia, o corpo foi removido e será necropsiado na base da Unidade Regional do Itep em Mossoró. 

O Câmera

Nenhum comentário:

Postar um comentário