segunda-feira, 20 de junho de 2016

PF prende homens suspeitos de arrombar caixas eletrônicos no RN


A Polícia federal prendeu em flagrante na última quarta-feira (15) em Parnamirim, Região Metropolitana de Natal, dois homens com idades de 32 e 38 anos, ambos potiguares, suspeitos de integrar uma quadrilha de arrombadores que praticou assalto contra a Caixa Econômica Federal em Natal, no último final de semana. Com a dupla foram apreendidos carros, dinheiro e diversos apetrechos utilizados nos ataques aos caixas eletrônicos. 

A ação aconteceu quando a Delegacia de Repressão a Crimes Contra o Patrimônio e ao Tráfico de Armas (DELEPAT), investigava o arrombamento praticado no dia 12 deste mês, contra um terminal eletrônico da Caixa Econômica Federal, situada na Av. Maria Lacerda Montenegro, Zona Sul da capital. 

A PF conseguiu chegar ao paradeiro dos acusados, a partir da análise feita em imagens de câmeras instaladas em via pública, as quais mostravam, no dia do crime, um automóvel suspeito circulando nas imediações daquela agência. Posteriormente, um carro com as mesmas características foi encontrado no endereço em que os homens estavam e, também foi apreendido, juntamente com furadeiras, alavancas, alicates, maçaricos, lixadeiras, lanternas, além de três veículos, documentos de identificação falsificados, cartões de crédito, envelopes de diversos bancos e cerca de R$ 11 mil em espécie, sendo que algumas cédulas estavam parcialmente queimadas. 

Após receberem voz de prisão, eles foram conduzidos para autuação na sede da PF, mas durante o interrogatório, na presença de seus advogados, negaram participação nos atos criminosos. 

A Polícia Federal somente hoje (18), noticiou a prisão dos homens porque a investigação teve prosseguimento e, qualquer divulgação anterior poderia prejudicar outros desdobramentos em relação ao caso, os quais terminaram não se concretizando. 

Indiciados nos crimes de formação de quadrilha, receptação e falsificação de documento público, a dupla foi transferida da sede da PF para o Centro de Detenção Provisória de Pirangi, onde vai permanecer custodiada, à disposição da Justiça.



O Câmera

Nenhum comentário:

Postar um comentário