sexta-feira, 3 de junho de 2016

Polícia Civil prende dupla suspeita de matar mulher em Natal


Na manhã desta quinta-feira (02), Fabio Martins Bezerra, 35 anos e Maria da Conceição Gomes da Silva, 52 anos, foram detidos em cumprimento a mandados de prisão temporária por policiais civis da Divisão de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP). Os dois juntamente com o mandante pelo crime, que já está preso, Wallace Alves da Silva, 24 anos, conhecido como ´Subaia; Jefferson Nathan Alves da Silva, 23 anos, que está foragido e Leonardo Lucena Dantas, conhecido como “Goiabinha”, morto em 24 de fevereiro deste ano, são os suspeitos pelo homicídio de Shirley Ferreira da Silva, 30 anos.
Ela foi morta em 11 de outubro de 2014, na localidade de Gramoré, zona norte de Natal, devido ao envolvimento com os suspeitos, os quais atuam no tráfico de drogas da região. “As investigações revelaram que Shirley foi morta a mando “Subaia”, que fornecia drogas na região. Ele planejou todo crime e conseguiu traçar um plano que levou a vítima até a casa, onde o crime foi executado”, detalhou o delegado da DHPP Roberto Andrade. “ Subaia” foi preso pela equipe da DHPP no dia 31 de março deste ano.
Shirley Ferreira desapareceu no dia 12 de outubro de 2014 e o seu corpo foi encontrado em dezembro de 2014, já em avançado estado de decomposição. 
“Descobrimos que Shirley foi para a casa de Maria da Conceição e foi morta neste local pelos quatro homens, que usaram pedaços de madeira para matá-la. Depois da morte, o corpo da vítima foi enterrado no quintal desta casa. Dias depois, o corpo foi transferido para um terreno baldio no bairro Gramoré, localonde foi encontrado”, detalhou o delegado Roberto Andrade. De acordo com o delegado, não restam dúvidas sobre a identificação da ossada, pois laudos emitidos pelo diretor do ITEP, Richard Ribeiro, atestaram por meio de exames de DNA que a ossada é de Shirley Ferreira. 

Fonte: Assessoria / Degepol

Nenhum comentário:

Postar um comentário