sexta-feira, 17 de junho de 2016

Três são presos pela PRF no Seridó

Fiscalizações de trânsito resultam em prisões de procurados pela justiça.

Um transporte aparentemente normal de carga revelou na manhã de hoje (16) uma regra na rotina policial: não existe rotina nem rótulo. Um motorista de caminhão foi preso em uma fiscalização da Polícia Rodoviária Federal (PRF) ao ser constatado que ele era condenado a mais de 14 anos de prisão. Caminhão e carga estavam em ordem.

A prisão ocorreu às 7h30 da manhã, quando PRFs fiscalizavam na BR 226, em Currais Novos/RN.

Um motorista de 37 anos, que vinha do Espírito Santo para o RN, foi parado para verificação. Ele conduzia uma carreta carregada com mantas de construção civil destinadas a Natal e Mossoró. O motorista mostrou-se tranquilo todo o tempo e as verificações de trânsito resultaram em normalidade mas as buscas criminais apontaram que ele era condenado em Vila Velha/ES a cumprir prisão de 14 anos e 3 meses, em regime fechado, por roubo.

Ele foi conduzido à delegacia de Polícia Civil de Caicó/RN que tomará as providências para o cumprimento da justiça.

Outros presos
Na noite de ontem (15) outras duas pessoas foram presas também após constatação de mandado de prisão em aberto. Eram mãe e filho e procurados devido ao crime que cometeram juntos em 2012, quando mataram um guardador de carros ateando fogo e esfaqueando-o.

Eles foram presos em flagrante na época mas, segundo os mesmos, foram postos em liberdade aguardando a decisão de julgamento. Eles não atenderam à decisão de prisão após a condenação, constando como foragidos.

O homem, de 25 anos, foi detido durante fiscalização de trânsito da PRF em Jardim do Seridó/RN quando dirigia uma motocicleta. Sua mãe, de 41 anos, não estava com ele, mas foi presa logo em seguida. Ambos foram levados à delegacia de Polícia Civil de Caicó/RN.

Portal BO

Nenhum comentário:

Postar um comentário