terça-feira, 16 de agosto de 2016

Presos quebram cobogós e muro em Natal, mas desistem de fuga após tiros

Tentativa de fuga foi nesta segunda (15) no Complexo Penal João Chaves. Segundo a Sejuc, cinco presos chegaram a sair do pavilhão, mas voltaram.

Do G1 RN

Presos quebraram cobogós da área de banho de sol e chegaram a fazer um buraco no muro que dá acesso ao Complexo Cultural da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte, mas desistiram quando tiros de fuzil foram disparados (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi)

Policiais militares e agentes penitenciários que atuam na guarda do Complexo Penal Dr. João Chaves, na Zona Norte de Natal, impediram uma fuga na manhã desta segunda-feira (15). Segundo a Secretaria de Justiça e da Cidadania (Sejuc), cinco presos quebraram cobogós da área de banho de sol de um dos pavilhões e chegaram a fazer um buraco no muro que dá acesso ao Complexo Cultural da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte, mas desistiram quando tiros foram disparados pelos guariteiros.

“Os presos foram para o pé do muro, mas os guariteiros atiraram e els recuaram. Não fugiu ninguém”, afirmou o secretário Wallber Virgolino.

Somente este ano, 293 presos já escaparam do sistema penitenciário potiguar. Em 2015 foram 212. Alguns foram recapturados, mas nem a Secretaria de Justiça (Sejuc) nem a Secretaria de Segurança Pública (Sesed) sabem precisar quantos fugitivos foram encontrados e levados de volta aos presídios.

Nenhum comentário:

Postar um comentário