quarta-feira, 3 de agosto de 2016

Segurança prende mais um suspeito de liderar atos de vandalismo no RN


A Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), por meio da Polícia Civil, confirmou a prisão de um homem apontado como um dos líderes dos atos de vandalismo que têm ocorrido no Estado desde a última sexta-feira (29).
Daniel Silva de Carvalho, de 29 anos, foi detido em Parnamirim na madrugada desta terça-feira (2). Ele atuava em conjunto com o traficante João Maria dos Santos Oliveira, o João Mago, que também foi preso nos últimos dias. Daniel coordenava os ataques na rua após se comunicar com apenados que estão no sistema prisional.
Durante coletiva realizada nesta terça na Escola do Governo, em Natal, o delegado geral da Polícia Civil, Cleiton Pinho, também informou a prisão de Islania de Abreu Lima, companheira de Diego Silva Alves, um dos fundadores da organização criminosa responsável pelos recentes de ataques contra o patrimônio público no RN.
“Agora temos identificados outros suspeitos com papel deliderança e estamos trabalhando para prender todos. Ainda nesta semana devemos ter mais prisões”, afirmou Cleiton Pinho.
No Bairro Planalto, na zona Oeste de Natal, os policiais do 9º Batalhão de Polícia Militar (9ºBPM), que atuam no Ronda Cidadã, prenderam dois homens suspeitos de tentarem colocar fogo em um prédio público da localidade. José Romualdo Nunes, de 29 anos, e Flávio Rodrigo Nunes Valentim, de 20 anos ainda tentaram se evadir, mas logo foram detidos. Com eles foi apreendido um recipiente com combustível. Ambos foram conduzidos à Delegacia de Polícia Civil para as devidas autuações.
Em São Tomé, uma operação conjunta das Polícias Militar e Civil resultou na prisão de cinco pessoas com envolvimento em atos de vandalismo naquela região. Com eles foram apreendidas arma, munições, capuzes, entre outros materiais.
Com esses casos sobe para 72 o número de suspeitos presos e apreendidos envolvidos de alguma forma em atos de vandalismo a transportes e prédios públicos na Região Metropolitana de Natal e no interior.
“A avaliação que fazemos é que a normalidade está voltando. O Estado não está recuando. O Estado está avançando. O Rio Grande do Norte está dando um exemplo para o país, porque vemos que em outros locais há uma certa acomodação”, frisou o comandante geral da Polícia Militar do RN, coronel Dancleiton Pereira Leite.
Ao todo foram verificadas 80 ocorrências, das quais 46 incêndios, 20 tentativas de incêndios, sete disparos contra prédios públicos e proximidades, quatro envolvendo artefatos explosivos e três depredações. Os veículos incendiados (ônibus e microônibus) são 27.
As ocorrências foram registradas em 29 cidades: Natal, Parnamirim, Macaíba, São José de Mipibu, Caicó, Currais Novos, Caiçara do Norte, Santa Cruz, Mossoró, João Câmara, Jardim de Piranhas, Assu, Tangará, São Gonçalo do Amarante, Touros, Maxaranguape, São Paulo do Potengi, Goianinha, Florânia, São José de Campestre, Canguaretama, Cruzeta, São Vicente, Tenente Laurentino, Jardim do Seridó, Pedro Avelino, Montanhas, Lagoa Nova e São Tomé.
O boletim produzido pela Secretaria de Estado da SegurançaPública e Defesa Social (Sesed), registra o total de ocorrências de atos criminosos em reação às medidas de retomada do controle do sistema prisional pelo poder público.
Outros suspeitos, conduzidos para averiguação, foram detidos em Monte Alegre, Macaíba, Parnamirim, Parelhas, Santa Cruz, Natal, Currais Novos, São Paulo do Potengi e Patu. Com eles a PM apreendeu motos roubadas, armas, cartuchos, munições, chumbo, pólvora e dezenas recipientes de combustíveis. Todos os detidos estão sendo apresentados à Polícia Civil que está realizando os procedimentos necessários para elucidar cada caso.

SESED

Nenhum comentário:

Postar um comentário