quinta-feira, 1 de setembro de 2016

Mossoró 2016: Gari morre e outro fica ferido durante tiroteio no bairro Santo Antônio

Lucas Serafim pode ter sido vítima de balas perdidas


A violência segue em alta nesta noite de quarta feira 31 de agosto, na cidade de Mossoró no Oeste do Rio Grande do Norte, que registra o segundo homicídio da noite. 

Dois garis da Prefeitura de Mossoró, foram baleados enquanto trabalhavam na coleta do lixo e um deles não resistiu e morreu quando era socorrido para uma Unidade de Saúde. 

O caso aconteceu na Rua José Vitor de Carvalho, nas proximidades do suepermercado Horizonte no bairro Santo Antônio. 

Segundo informações repassadas pela `Polícia Militar, Lucas Serafim Saraiva, de 18 anos de idade e Reginaldo Aquino da Silva Junior, de 23 anos, estavam realizando a coleta do lixo quando foram surpreendidos por dois indivíduos, que chegaram em uma moto de cor escura e já foram atirando em direção as vítimas. 

Lucas Serafim foi alvejado várias vezes e caiu dentro do coletor de lixo. Ele ainda foi socorrido pelo motorista do caminhão para a UPA do bairro, mas não resistiu e morreu ao dar entrada naquela unidade de saúde. 

Reginaldo também foi atingido com três tiros na região da cabeça e socorrido inicialmente pelos policiais do Tático Operacional Rodoviário (TOR) e depois transferido para uma Ambulância do Samu em estava grave e levado para o Hospital Regional Tarcísio Maia. 

Além dos dois garis, outros funcionários estavam trabalhando na coleta, mas não foram atingidos pelos disparsos. A Polícia Militar foi informada que o alvo dos atiradores seria Reginaldo Aquino e que Lucas foi atingido por balas perdidas. 

Um familiar informou à Polícia, que Lucas não tinha envolvimento com ações ilícitas e que havia sido transferido da coleta de lixo do bairro Nova Betânia para o Santo Antônio, há pouco mais de um mês. O familiar informou também que ele havia casado recentemente. 

Seu corpo será removido da UPA do Santo Antônio, para o ITEP onde será necropsiado e depois liberado para sepultamento. O 154º assassinato do ano será investigado pela equipa da Divisão de Homicídios de Mossoró.

,
Fim da Linha

Nenhum comentário:

Postar um comentário