quinta-feira, 10 de novembro de 2016

Presidente do TJ visita Centro de Detenção de Apodi e fica impressionado com organização da unidade


O presidente do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, desembargador Claudio Santos, acompanhado pelas juízas, Katia Guedes e Tathyana Freitas, visitaram na manha dessa quarta-feira (09/11), as dependências do Centro de Detenção Provisória de Apodi – Agente Ronilson Alves da Silva (CDP/Apodi). Unidade prisional considerada modelo no Sistema Penitenciário do Território.

Os magistrados foram ver de perto o funcionamento da instituição prisional e o tratamento dispensado às presidiárias e conhecer as condições oferecidas pelo sistema penitenciário a essas pessoas.

O Desembargador Claudio Santos, ficou impressionado com a organização do CDP Apodi, tratamento dados aos internos, projetos de ressocialização dos presos concernentes às atividades educacionais. 

O CDP Apodi fora construído com mão de obra carcerária, recursos de penas pecuniárias e doações da comunidade. A unidade tem capacidade para 70 presos, hoje apenas 64 presos.

A unidade nunca registrou fuga, rebelião, homicídio ou suicídio.

O diretor do CDP Apodi, agente penitenciário, Marcio Morais, aproveitou a oportunidade para pedir apoio ao presidente do Tribunal de Justiça para executar alguns projetos de ressocialização no estabelecimento penitenciário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário