terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Cinco presos que comandaram rebelião sangrenta são transferidos de Alcaçuz

Detentos foram ouvidos por comissão de delegados e em seguida levados para um novo presídio ainda não divulgado.

Cinco presos do pavilhão 5 do presídio estadual de Alcaçuz, em Nísia Floresta foram transferidos na tarde desta segunda-feira (16), para outra unidade ainda não divulgada pela polícia. Os detentos identificados como Paulo da Silva Santos, João Francisco dos Santos, José Cândido Prado, Paulo Márcio Rodrigues de Araújo, e Thyago Souza Soares são apontados como mentores da rebelião sangrenta do final de semana.

A operação para a transferência dos cinco apenados foi realizada pelas equipes da Polícia Militar, Rodoviaria Federal e do Grupo de Operações Especiais dos agentes penitenciários. O comboio contou com o apoio do helicóptero da Secretaria de Segurança Potiguar 01.

De acordo com o delegado geral da Polícia Civil, o doutor Clayton Pinho uma comissão foi formada com a finalidade de investigar as mortes em Alcaçuz. " essa comissão é formada por quatro delegados e sera presidida pelo bacharel Marcos Vinícius da DHPP a Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa", disse.

A unidade prisional onde ficarão os cinco presos ainda não foi anunciada pelas autoridades.

Sérgio Costa Portal BO

Nenhum comentário:

Postar um comentário