quinta-feira, 1 de junho de 2017

Suspeito de matar madrasta a facadas na Grande Natal é preso

Enteado de Maria dos Anjos Ribeiro da Silva, assassinada no sábado (29), foi preso na manhã desta quarta-feira (31). Polícia encontrou e deve fazer perícia de possível arma do crime.

Por G1 RN
Maria dos Anjos foi morta enquanto dormia ao lado do marido (Foto: Julianne Barreto/Inter TV Cabugi)

A polícia prendeu o enteado de Maria dos Anjos Ribeiro da Silva, de 51 anos, morta a facadas na madrugada de sábado (29) no bairro Passagem de Areia, em Parnamirim, na Grande Natal. Preso na manhã desta quarta-feira (31), o homem de 24 anos é o principal suspeito investigado pelo crime.

De acordo com a Polícia Civil, Maria dos Anjos foi assassinada dentro da casa do suspeito, onde ela e o companheiro teriam se hospedado na noite do crime. "Durante a noite, eles teriam bebido e provavelmente aconteceu uma discussão entre ele e Maria dos Anjos. Diante do fato, ele esfaqueou a vítima", opinou Leandro Matos, delegado adjunto da 1ª Delegacia de Polícia de Parnamirim.

A vítima dormia ao lado do marido quando foi esfaqueada. À Inter TV Cabugi, o marido contou que a mulher acordou dizendo que havia levado facadas, sentindo dores no peito e nas costas. Ele ainda chamou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas quando os socorristas chegaram ela já estava morta.

Ainda segundo o delegado, uma faca supostamente suja de sangue foi encontrada na casa do suspeito na manhã da prisão. A possível arma do crime será enviada para o departamento de perícia para análise.

Nenhum comentário:

Postar um comentário