sábado, 9 de junho de 2018

PM é morto com tiros na cabeça na Zona Norte de Natal; suspeito morre em confronto com a polícia

Crime aconteceu na tarde desta sexta-feira (8) no bairro Nova Natal.

Por G1RN
Policial Melqui Djalcy Rodrigues foi morto em frente a uma loja de material de construção (Foto: Acson Freitas/Inter TV Cabugi)

Um policial militar morreu depois de ser atingido por tiros na cabeça em uma loja de material de construção no bairro Nova Natal, Zona Norte da capital, na tarde desta sexta-feira (8). De acordo com a PM, o cabo Melqui Djalcy Rodrigues tinha 41 anos de idade e pertencia ao 4º Batalhão da corporação. Este foi o 15º PM assassinado neste ano.

Um homem suspeito de ter matado o policial trocou tiros com a PM no conjunto Parque dos Coqueiros, também na Zona Norte, e morreu depois de dar entrada no hospital. Ele usava tornozeleira eletrônica, cumpria pena fora da cadeia. Uma mulher, que também usa o equipamento de monitoramento, foi conduzida à delegacia sob suspeita de participar do crime.

Segundo informações da PM, duas pessoas chegaram em um carro branco, armadas, e abordaram o cabo Melqui. Um dos suspeitos estava com um capacete de construção civil, segundo testemunhas. Foi o homem que atirou contra o policial.

Ainda de acordo com a Polícia Militar, os disparos atingiram a testa de Melqui Rodrigues. Ele ainda foi socorrido e levado ao Hospital Santa Catarina, na Zona Norte, mas morreu antes de chegar à unidade de saúde.

O PM fazia bico de segurança no estabelecimento em que ocorreu o crime e estava trabalhando quando foi assassinado. A arma dele foi levada pelos bandidos. A polícia afirma que o crime tem características de execução.

Cabo Melqui Djalcy Rodrigues foi morto com tiros na cabeça em Natal (Foto: Arquivo Pessoal)

Nenhum comentário:

Postar um comentário